Terça, 26 de Outubro de 2021
Seleção Brasileira Olimpíadas de Tóquio

Paraíbano Santos defende pênalti, Brasil vence o México e disputará o bi olímpico

Veja matéria

03/08/2021 às 08h20 Atualizada em 03/08/2021 às 08h50
Por: Redação
Compartilhe:
FOTO : CBF
FOTO : CBF

 

O Brasil venceu o México por 4 a 1 nos pênaltis depois de empate sem gols no tempo normal e na prorrogação e se classificou hoje (3) para a final do futebol masculino nas Olimpíadas de Tóquio. O gol decisivo foi marcado por Reinier, em Kashima.

O Paraíbano Santos defendeu a cobrança de Eduardo Aguirre e viu a de Johan Vásquez bater na trave — Carlos Rodríguez foi o único que acertou pelos mexicanos.

Daniel Alves, Gabriel Martinelli, Bruno Guimarães e Reinier marcaram pelo Brasil. É a terceira final seguida de Jogos Olímpicos do Brasil, que defende o ouro conquistado na Rio-2016.

A final das Olimpíadas será no sábado (7), às 8h30, no Estádio Internacional de Yokohama, contra Japão ou Espanha — que definem o classificado ainda hoje, a partir de 8h.

Já a disputa pela medalha de bronze é na sexta, às 8h, em Saitama.

 

FICHA TÉCNICA :

MÉXICO 0 (1) x (4) 0 BRASIL

Competição: Jogos Olímpicos de Tóquio, semifinal do futebol masculino

Local: Estádio Kashima, em Kashima (Japão)

Data/hora: 3 de agosto de 2021 (terça-feira), às 5h (de Brasília)

Árbitro: Georgi Kabakov (Bulgária)

Assistentes: Martin Margaritov e Diyan Valkov (ambos da Bulgária)

VAR: Marco Guida (Itália)

Cartões amarelos: César Montes, Diego Lainez, Henry Martín, Loroña, Luis Romo (México), Diego Carlos, Antony, Bruno Guimarães, Reinier, Douglas Luiz (Brasil)

MÉXICO: Ochoa; Loroña, César Montes, Johan Vásquez e Jesús Angulo (Adrian Mora, aos 7/1ºT da prorrogação); Esquivel (Carlos Rodríguez, no intervalo), Luis Romo e Córdova (Ricardo Angulo, aos 32/2ºT); Antuna (Diego Lainez, aos 16/2ºT), Alexis Vega (Alvarado, aos 46/2ºT) e Henry Martin (Eduardo Aguirre, aos 7/1ºT da prorrogação). Técnico: Jaime Lozano.

BRASIL: Santos; Daniel Alves, Nino, Diego Carlos e Guilherme Arana; Douglas Luiz (Matheus Henrique, aos 9/2ºT da prorrogação), Bruno Guimarães e Claudinho (Reinier, aos 27/2ºT); Antony (Malcom, entre o tempo normal e a prorrogação), Paulinho (Gabriel Martinelli, aos 21/2ºT) e Richarlison. Técnico: André Jardine.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias