Quarta, 08 de Dezembro de 2021
Esportes Paraibano Copa do Nordeste

Nos pênaltis, Paulo Gianezini defende, marca, Botafogo-PB passa pelo Vitória e jogará a Copa do Nordeste de 2022

Veja matéria

18/11/2021 às 23h16
Por: Redação
Compartilhe:
FOTO : Ascom/Botafogo-PB
FOTO : Ascom/Botafogo-PB

 

Na noite de quinta-feira (18), no Estádio Barradão, em Salvador, o Botafogo-PB encarou o Vitória pela terceira fase das Eliminatórias da Copa do Nordeste de 2022. Depois de empatar por 1 a 1 em João Pessoa, novo empate no tempo normal, agora por 2 a 2. Nos pênaltis, Paulo Gianezini, que entrou apenas para a disputa, defendeu a cobrança de Renan Luís e converteu a batida que levou o Belo para o Nordestão do ano que vem.

O Leão da Barra, mesmo brigando contra o rebaixamento da Série B, foi para a partida com força máxima. Sem contar com oito atletas que foram dispensados, o treinador botafoguense, Gerson Gusmão, surpreendeu com uma escalação utilizando três atacantes, deixando Esquerdinha e Cleyton no banco de reservas.

A primeira chance de gol do jogo veio do time paraibano. Welton Felipe se aproveitou de passe errado para trás feito por Fabinho, aos 10 minutos, avançou em velocidade e, da entrada da área, bateu de canhota, obrigando Lucas Arcanjo a se esticar todo para espalmar a bola que iria no seu canto direito. A zaga afastou o restante do perigo.

O Vitória respondeu aos 17 minutos, quando Fernando Neto cruzou da esquerda esquerda cabeça de David, que testou com perigo, mandando a bola perto do travessão do goleiro Lucas.

Com o Belo bem fechado, o Leão da Barra saiu na frente do placar contando com o elemento surpresa. Aos 28 minutos, Raul Prata recebeu lançamento de Fernando Neto pela direita, cortou Tsunami e bateu de canhota, mandando no canto direito de Lucas, fazendo um bonito gol.

A falta de estabilidade emocional diante das adversidades foi vista no Botafogo-PB a temporada inteira, tanto que virou apenas um jogo após sair atrás no placar. E três minutos depois de tomar o primeiro gol, o time paraibano sofreu o segundo após cruzamento da direita feito por Eduardo que Pablo resvalou por último, e mais uma vez o arqueiro não chegou na bola.

Segundo tempo

Depois do intervalo, o Botafogo-PB parecia não ter pressa ou algo em disputa, pois aceitava tranquilamente a opção da equipe baiana por amarrar o jogo e administrar sua vantagem.

Apenas aos 15 minutos, Welton Felipe recebeu recebeu entrada da área, driblou Thalisson Kelven e chutou por cima da meta adversária.

Mas em uma jogada de bola parada, aos 18, o Belo diminuiu. Esquerdinha cobrou escanteio da esquerda e Willian Machado desviou de cabeça para diminuir a vantagem rubro-negra.

Sem querer se complicar, o Vitória apareceu pela primeira vez no minuto seguinte, quando Eduardo chutou do meio da rua e assustou o goleiro Lucas.

Mas quem balançou as redes de novo foi o time paraibano. Esquerdinha chutou de longe, aos 22, e Lucas Arcanjo espalmou para frente. Welton Felipe, de cabeça, marcou sei nono gol na temporada e deixou tudo igual no Barradão.

Em cobrança de escanteio da direita, aos 34 minutos, o Leão da Barra teve David mandando de cabeça, mas o camisa 1 do Botafogo-PB fez a defesa com tranquilidade.

No último ato antes do fim dos 90 minutos, Gerson Gusmão resolveu trocar de goleiros no Belo para a cobrança por pênaltis. Lucas foi substituído por Paulo Gianezini. Uma aposta certeira.

Pênaltis

Para o Vitória, Raul Prata converteu, Manoel converteu, Thalisson Kenven converteu, David converteu, Wallace converteu, Renan Luís foi defendido

Pelo Botafogo-PB, Sávio marcou, Esquerdinha marcou, Cleyton marcou, Tsunami marcou, Welton Felipe marcou, Paulo Gianezini classificou o Belo para a Copa do Nordeste de 2022.

Ficha técnica

Vitória 2 x 2 Botafogo-PB (agregado 3 X 3 – pênaltis: 5 X 6)

Eliminatórias da Copa do Nordeste de 2022

3ª fase – Jogo da volta

Estádio: Barradão (Salvador)

Arbitragem: Fábio Augusto Santos Sá Júnior (SE); Rodrigo Guimarães Pereira (SE) e Wendel Araújo Lino (SE)

Gols: Raul Prata, Fernando Neto (V); Willian Machado, Welton Felipe (B)

Vitória: Lucas Arcanjo, Raul Prata, Thalisson Kelven, Wallace, Roberto (Renan Luís); João Pedro, Eduardo (Cedric), Bruno (Alisson Santos); Fernando Neto (Manoel), Fabinho e David. Técnico: Wagner Lopes.

Botafogo-PB: Lucas, Sávio, Daniel Felipe, Willian Machado, Tsunami; Tinga (Amaral), Pablo, Juninho (Esquerdinha); Luã Lúcio (Marcos Aurélio), Welton Felipe e Éderson (Cleyton). Técnico: Gerson Gusmão.

Bastidores do Esporte

Com VT.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias